Cheque-Formação: Estado anuncia nova medida

Cheque-Formação: Estado anuncia nova medida

O Governo apresentou nova medida com objectivo de melhorar a empregabilidade e a qualificação através do estímulo à formação

O Governo apresentou uma nova medida que tem como objectivo melhorar a empregabilidade e a qualificação através do estímulo à formação.

Como?

O cheque-formação é um apoio financeiro concedido pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) que é dado às empresas, trabalhadores e aos desempregados que frequentem acções de formação ajustadas às necessidades das empresas e do mercado de trabalho.

Quem beneficia desta medida?

Ativos empregados, cujas candidaturas devem ser apresentadas pelos próprios ou por entidades empregadoras, e desempregados.

Quem dá a formação?

A formação tem de ser dada por entidades formadoras certificadas preferencialmente, consistir-se em unidades de formação de curta duração (UFCD) e decorrer em horário laboral.

Quantas pessoas serão abrangidas?

O Governo estima que a medida chegue a cerca de 35 mil desempregados e 180 mil activos empregados, ou seja, um total de 215 mil pessoas até 2020.

Os beneficiários da medida, ou a entidade empregadora, após o final da formação, devem apresentar no IEFP, I.P., os comprovativos de frequência e conclusão, tendo um período máximo de 2 meses para o fazer.

 Aceda aqui à portaria que cria a medida Cheque -Formação

Faça a sua formação connosco!

Para mais informações: formacao@caf.pt ou ligue 21 982 84 94